07/11/2011

Eu conheço a sua voz!

Posted in Reflexão às 9:06 AM por Rodriguinho


Na última postagem falamos sobre ouvir a voz de Deus. Você reconhece quando é Deus que está falando com você? Imagine a seguinte situação:

Pedro precisa ligar para um colega de escola, Luiz, pois precisa pegar informações para um trabalho que eles tem que fazer. Luiz se mudou recentemente para a escola onde Pedro estuda. Quando Pedro liga, o diálogo é o seguinte:

 

Alguém: – Alô!?

Pedro: – Oi. O Luiz se encontra?

Alguém: – Sim. Sou eu mesmo. Quem deseja?

Pedro: – Sou eu, Pedro, seu colega da escola…

Quando duas pessoas se conhecem a pouco tempo, ou quando estas pessoas não conversam muito, o normal é uma não reconhecer a voz da outra, como Luiz e Pedro.

Assim também somos nós com Deus. Quanto mais tempo você investir com Deus, lendo a Bíblia, orando e dedicando “tempos de silêncio” para ouvi-lo, mais claramente você ouvirá a Sua voz. Experimente! Isto não é religião, e sim um relacionamento com o Todo-Poderoso.

06/29/2011

Você ouve a voz de Deus?

Posted in Reflexão às 9:05 AM por Rodriguinho

“Depois de conduzir para fora todas as suas ovelhas, vai adiante delas, e estas o seguem, porque conhecem a sua voz” (João 10:4, NVI)

As ovelhas reconhecem a voz do seu pastor e seguem ele. Assim também deveria ser conosco. Jesus Cristo é o Pastor e nós somos as ovelhas. Porém, até que ponto temos ouvido a voz de Deus?

Há pessoas hoje fazendo de tudo dizendo que estão agradando a Deus. Cumprem um monte de rituais e regras. São perfeitos na aparência. Porém, não escutam a voz de Deus, e muitas vezes fazem coisas contra a própria Bíblia.

Neste mundo agitado e desenfreado, onde todos competimos contra todos para ter o melhor emprego, o melhor carro, a melhor casa (ou competimos para simplesmente sobreviver), não há tempo para pararmos e escutar a voz de Deus. Nosso mundo faz de tudo para vivermos por nossa conta e esquecermos de Deus.

Se você deseja ouvir a Deus, PARE! Aquiete-se! Fique em silêncio e peça para Deus falar com você. Leia a Bíblia, ali está toda a vontade revelada de Deus para nós. Quanto mais tempo você se aquietar para buscar Deus, mais próximo dEle você ficará.

Para ouvirmos a voz de Deus, é indispensável parar com toda a agitação e simplesmente escutá-lo.

06/06/2011

G.O.S.P.E.L

Posted in Vídeos às 12:26 PM por Rodriguinho

O que é o Evangelho? Qual a mensagem de Cristo? Como posso encontrar a verdadeira felicidade?

O vídeo abaixo responde muitas perguntas e resume toda a mensagem do Evangelho em seis palavras. Mostra qual é o nosso problema como seres humanos e dá a simples solução: crer em Jesus Cristo, arrepender-se dos seus pecados e recebê-lo como Senhor e Salvador. Você já tomou esta decisão?

Temos apenas esta vida e podemos tomar muitas decisões nela. Mas apenas uma decisão vale por toda a Eternidade. Dinheiro, Sexo, Drogas, Fama, Filosofias; tudo passará, mas apenas aqueles que tomam a decisão de aceitar a Jesus como Senhor e Salvador tomam uma decisão que vale para sempre: a vida eterna.

“Pois quem quiser salvar a sua vida, a perderá; mas quem perder a sua vida por minha causa e pelo evangelho, a salvará” (Marcos 8:35)

05/02/2011

Deus é quem capacita (Gideão)

Posted in Reflexão às 9:11 AM por Rodriguinho

Então o SENHOR Deus ordenou a Gideão: – Vá com toda a sua força e livre o povo de Israel dos midianitas. Sou eu quem está mandando que você vá. Gideão respondeu: – Senhor, como posso libertar Israel? A minha família é a mais pobre da tribo de Manassés, e eu sou a pessoa menos importante da minha família. Mas o SENHOR disse: – Você pode fazer isso porque eu o ajudarei. Você esmagará todos os midianitas como se eles fossem um só homem. (Juízes 6:14-16, NTLH, grifo meu)

Gideão foi um juiz de Israel e foi usado por Deus para libertar o seu povo dos midianitas. Gideão, porém, foi um juiz que reclamava muito e parecia não confiar tanto em Deus. Quando o próprio Deus foi falar com ele e enviá-lo para libertar o povo, Gideão reclamava das coisas e colocava Deus a prova. O que Gideão não entendia era que Deus iria dar tudo o que ele precisava para completar a tarefa.

Deus escolheu um homem comum, Gideão, e o capacitou para fazer uma grande tarefa: libertar Israel de Midiã.

Pois bem, Deus ainda continua o mesmo. Ele continua escolhendo a pessoa comum para a sua obra. Não são os mais intelectuais, os mais poderosos, os mais ricos, os mais fortes ou os mais santos aos olhos do mundo que são escolhidos por Deus; pelo contrário, Deus escolhe justamente aquele que não é NADA segundo nossos padrões para capacitá-lo e realizar a Sua obra aqui na terra e na igreja.

Assim, você é plenamente capaz de ajudar no crescimento da sua igreja. Peça a Deus que te capacite e lhe mostre onde você pode ajudar. Se você não se sente capaz de cumprir a tarefa que Deus lhe deu, peça a Ele que lhe dê as ferramentas necessárias. Pois Deus não lhe dá nenhuma tarefa sem antes lhe dar tudo o que você precisa para completar a tarefa.

04/06/2011

Líder com um referencial

Posted in Reflexão às 10:35 AM por Rodriguinho

No mercado corporativo há uma certa unanimidade com relação à liderança e concorrência: é muito mais difícil você se manter como líder do que alcançar a liderança de um ramo. A maior dificuldade das empresas é manter-se na liderança. Mas por quê isso? A justificativa é a seguinte: quando você não é o líder, você se compara com o líder para tentar alcançá-lo; agora, quando você é líder, o parâmetro de comparação é você mesmo!

Que perigo olhar apenas para si mesmo, sem ter nenhum referencial. Quando temos nós mesmos como parâmetro a ser seguido, não percebemos nossas falhas e oportunidades de melhoria.

O mesmo acontece com líderes cristãos. Se um líder cristão não tem ninguém que o acompanhe de perto, que seja um companheiro de caminhada, o parâmetro a ser seguido é ele mesmo. E, sendo ele mesmo o seu alvo a ser alcançado, o líder não cresce, fica estagnado, e o pior, acaba tropeçando na fé e pecando, levando centenas de pessoas junto com ele.

Como é importante termos um discipulador, um companheiro de caminhada para quem possamos abrir nossa vida e ver oportunidades de crescimento. Não importa qual a sua função na igreja, todos precisamos de um companheiro de caminhada cristã, pois, na igreja, ninguém cresce sozinho.

“Portanto, confessem os seus pecados uns aos outros e orem uns pelos outros para serem curados. A oração de um justo é poderosa e eficaz” (Tg 5:16)

02/16/2011

Que tipo de peça você é?

Posted in Reflexão às 8:19 AM por Rodriguinho

Há duas formas de se tratar as pessoas: uma é considerá-la como uma peça de uma máquina, uma engrenagem. Esta peça faz parte de uma máquina, é utilizada por determinado período de tempo e, quando começa a ficar velha e a dar defeito, este peça é descartada e outra é colocada em seu lugar. É assim que geralmente as pessoas são tratadas pelo sistema da sociedade: quando ficam velhas, ou tem problemas de saúde, são trocadas por “peças” mais novas e mais atualizadas; somos peças de reposição.

Agora há uma outra forma de se tratar uma pessoa, que é como Cristo trata as pessoas em sua igreja. Ali as pessoas são como peças de um quebra-cabeça. Todas as peças são diferentes, com encaixes e funções diferentes; cada peça tem o seu lugar e não pode ser substituída. E todas as peças juntas, com cada uma realizando a sua função, formam uma imagem; completam a obra. A igreja é o local onde as “peças do quebra-cabeça”, com suas qualidades e defeitos, se encontram e juntas formam o corpo de Cristo.

E você? Que tipo de peça você tem sido?

“Dele, todo o corpo, ajustado e unido pelo auxílio de todas as juntas, cresce e edifica-se a si mesmo em amor, na medida em que cada parte realiza a sua função” (Ef 4:16 NVI, grifo meu)

11/27/2010

Que tipo de pessoas é necessário que vocês sejam?

Posted in Reflexão às 12:32 PM por Rodriguinho

“O dia do Senhor, porém, virá como ladrão. Os céus desaparecerão com um grande estrondo, os elementos serão desfeitos pelo calor, e a terra, e tudo o que nela há, será desnudada. Visto que tudo será assim desfeito, que tipo de pessoas é necessário que você sejam? Vivam de maneira santa e piedosa, esperando o dia de Deus e apressando a sua vinda. Naquele dia os céus serão desfeitos pelo fogo, e os elementos se derreterão pelo calor. Todavia, de acordo com a sua promessa, esperamos novos céus e nova terra, onde habita a justiça” 2Pe 3:10-13 (NVI)


Que texto assustador esse, não? Tudo será desfeito. A terra será destruída pelo fogo e tudo o que nela existe será totalmente desnudado (ou queimado, conforme a nota de rodapé da NVI). Você consegue imaginar esta cena? Confesso que imaginar isso causa um pouco de medo.

Porém, há uma esperança. Creio que no dia do Senhor nós, os que aceitamos a Cristo como Senhor e Salvador e fomos adotados como filhos de Deus, seremos salvos e iremos habitar nestes novos céus e nova terra. Um lugar onde, como a Bíblia afirma, não haverá mais dor, doenças, sofrimento, maldade, roubos, entre outros. Viveremos junto com Deus, e então o veremos face a face e tudo fará sentido. Minha vida fará completo sentido! Como é bom esperar por este dia!

Diante desta volta de Cristo, faço a mesma pergunta que o apóstolo Paulo fez no texto acima: “Visto que tudo será assim desfeito, que tipo de pessoas é necessário que vocês sejam”? Quando Cristo voltar, o que Ele vai encontrar em você? Alguém que vive um cristianismo verdadeiro, em santidade e em um relacionamento diário com Deus? Ou alguém que vive de acordo com este mundo egoísta e sem sentido?

11/22/2010

Até o mundo inteiro ouvir

Posted in Vídeos às 10:13 AM por Rodriguinho

A música já diz tudo. Porém, minha pergunta é: estamos realmente vivendo o que diz esta música? Precisamos orar mais e agir mais para que mais pessoas venham a conhecer a Cristo e que possam ser salvas.

A música fala até o mundo inteiro ouvir. Porém, só há uma forma de alcançar o mundo: começando pelo seu vizinho, colega de trabalho, de escola, de faculdade, amigos, familiares, enfim, comece por quem está perto! E comece agora!

11/01/2010

Cristianismo de vila

Posted in Reflexão às 4:47 PM por Rodriguinho

Acho que uma das séries mais antigas, porém ainda muito assistida nos dias de hoje, é o Chaves. Lembro muito bem do Chaves, Dona Florinda, Seu Madruga, entre outros personagens e suas aventuras naquela pequena vila. Ainda hoje dou muitas risadas ao assistir estes episódios. Na vila era engraçado como cada um se comportava. Era uma comunidade, onde todos compartilhavam de algumas coisas em comum; porém cada personagem estava mais preocupado em suprir os seus interesses pessoais.

O engraçado, ou talvez triste, é ver que muitas igrejas hoje tem virado uma pequena vila. Estamos vivendo um cristianismo de vila ou, mais popular nos Estados Unidos, um cristianismo de rua sem saída. Vivemos em nosso cantinho, sem ninguém nos incomodar. Vamos para a igreja para encontrar as mesmas pessoas que não nos incomodam, ir para os programas que nos fazem bem, ir receber a oração do pastor. Enfim, estamos indo para a igreja para consumir os serviços espirituais que ela nos oferece.

Agora, quando a questão é ir e fazer discípulos, ensinando-os a obedecer, parece que as coisas mudam. As pessoas não gostam de ir: as pessoas querem ficar em seus bancos confortáveis. Não querem se envolver com a “gentalha”. Até quando vamos ver a igreja como um “programinha gostoso” de domingo? A igreja deve estar em movimento; a igreja são as pessoas, os membros do Corpo de Cristo, e não um prédio! Assim, os membros da igreja devem estar dispostos a agir; a ir e fazer discípulos! E isso não pela sua própria força, mas na dependência e na autoridade que Cristo nos dá.

Lembremos das palavras do próprio Jesus: “Há maior felicidade em dar do que em receber” (At 20:35, NVI).

Reflexão com base no “Cristianismo de Vila” apresentado no livro Autoridade Pastoral.

10/13/2010

Como se muda o mundo?

Posted in Reflexão às 8:12 PM por Rodriguinho

Atualmente temos acompanhado as propagandas eleitorais, onde os candidatos prometem realizar diversas mudanças no país. Porém, fico pensando em como mudar o país? Como apenas uma pessoa pode fazer um país inteiro mudar?

De tanto pensar, cheguei a conclusão de que isso é impossível! Uma pessoa não pode prometer mudar tudo. Para ocorrer uma mudança real em uma sociedade, em um país, na sua escola, na sua igreja, é necessário o envolvimento de todos. Todos nós formamos o Brasil; então, somente com a pequena ação de todos é que podemos mudar o país.

Como mudar os níveis de educação na sua cidade? Dedique um pouco do seu tempo para auxiliar individualmente uma criança.

Como melhorar a limpeza da cidade? Jogue o seu lixo sempre no lixo.

Como melhorar o trânsito na sua cidade? Dirija com cuidado, fazendo a sua parte.

Como fazer a sua igreja mais missionária? Envolva-se você mesmo com missões.

Como se muda o mundo? Com cada um de nós dando o primeiro passo.

Página seguinte

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.